Diferença de Varejo e Atacado

Qual a diferença entre varejo e atacado?

Você sabe qual a diferença entre as vendas em atacado e varejo? Na prática existem várias formas de empresários e produtores colocarem os seus produtos ao alcance dos consumidores. Vender em atacado e varejo são duas formas de negociar de uma empresa fabricante produtos. Continue atento ao artigo e saiba a diferença entre atacado e varejo. Caso você seja um revendedor de roupas, neste artigo você saberá a melhor forma de comprar e vender seus produtos.

O que são vendas em atacado e em varejo?

Alguns poderiam dizer que a principal diferença entre atacado e varejo seria que as vendas em atacado é um modelo praticado de empresa para empresa e varejo é um modelo em que a empresa, geralmente uma atravessadora, vende para o consumidor final. Mas nem sempre é assim. Hoje consumidores finais têm acesso às empresas produtoras e estão podendo comprar em atacado, especialmente após o advento do MEI.

Como o comércio atacadistadestina-se a venda de seus produtos às pessoas jurídicas, ou seja, que tenham CNPJ, como as instituições, empresas, restaurantes, e os demais lojistas que trabalham no varejo, o comércio varejista é o mais “comum” no cotidiano das pessoas, pois vende seus produtos para os consumidores finais. Desta forma, uma pessoa com MEI (CNPJ) atualmente compra de produtoras tranquilamente, desde que atenda os requisitos mínimos de compra.

O varejo comercializa por unidades, definindo os preços com base na média oferecida pelo mercado local. No varejo, os preços são mais altos, mas o consumidor final tem a possibilidade de fracionar o pagamento, através do cartão de crédito, por exemplo. Ao passo que no atacado as vendas são a granel, em muitas quantidades o que inviabiliza a compra pelo consumidor final dado o valor alto na aquisição de apenas um produto.

Nas vendas em atacado, em teoria você não vende produtos diretamente aos consumidores. Em vez disso, obtém produtos de um distribuidor e vende produtos a empresas de terceiros, geralmente em alta quantidade. Os terceiros geralmente são varejistas que, depois, vendem ao consumidor final. Porém, também podem ser distribuidores de varejo.

Finalmente , alguns atacadistas vendem a outros atacadistas, e isso tem sido prática muito comum. Os distribuidores atacadistas podem girar em torno de praticamente qualquer tipo de produto durável ou não. Produtos duráveis incluem mobília, enquanto produtos não duráveis incluem mantimentos. No nosso site temos uma página sobre fornecedor de roupas do Peru. Clique aqui e acesse para saber mais.

No modelo de vendas em atacado há também os fabricantes que vendem somente os seus produtos. Isso pode variar, enquanto algumas empresas vendem produtos de marcas de terceiros, outras vendem uma combinação de seus produtos e produtos de marcas de terceiros. Com o escrito acima aprendemos o que é atacado e varejo. Abaixo iremos destacar algumas diferenças de vendas no atacado e vendas no varejo.

Resumo da diferença entre atacado e varejo

Há uma necessidade diferente para cada tipo de consumidor, pensando nisso, atualmente o comércio, as lojas se preparam para os dois tipos de compras: atacado e varejo:

A diferença consiste nos valores dos produtos e na quantidade que será comprada.

  • No varejo os produtos são disponibilizados para compra por unidade, com o objetivo de atender o consumidor para uso pessoal. Geralmente a compra é em baixa quantidade de produtos variados.
  • No atacado, as vendas são em grandes volumes, o que de certa forma, proporciona valores bem menores, se comparado o valor unitário no varejo. E geralmente a quantidade é por produto e não uma soma da quantidade geral das mercadorias. O perfil do consumidor no atacado é, geralmente, empresas que são revendedoras e lucram com a intermediação.

O mercado é extremamente dinâmico e com isso, os comerciantes, necessariamente, precisam se adaptar para atenderem as demandas. Nesse contexto, há uma flexibilização dos limites de atacado e varejo.

É importante salientar que, a compra feita pelo consumidor final no atacado não é considerada varejo.

Para um melhor entendimento da diferença entre atacado e varejo, abaixo segue um detalhamento de cada modalidade:

Vendas em Atacado

  1. A venda de produtos em atacado é geralmente realizada por empresas revendedoras. Como as compras são em grandes quantidades, os descontos são atrativos e compõe grande parte do lucro desse modelo de negócio.
  2. Os produtos são disponibilizados em lotes fechados destinados à revenda. O preço é menor quando comparado ao varejo, porque a mercadoria é diretamente da fábrica para o varejista.
  3. O atacado é caracterizado pelo grande volume em massa de produtos, com menor variedade de linha e preço baixo. O revendedor lucra pela quantidade que compra e vende.
  4. O vendedor é habitualmente chamado de distribuidor, visto que, sua atividade principal é a intermediação entre fábrica e lojista.
  5. Apesar de não ser muito praticado, não é incomum a venda ser realizada diretamente pela própria fábrica do produto. Neste caso, o consumidor final irá conseguir um preço bastante competitivo, comprando na loja da fábrica.
  6. Normalmente, os consumidores do atacado são empresas de médio e pequeno porte como: mini mercados, padaria, lanchonete, restaurante e lojistas que trabalham no varejo. Como dissemos no início do artigo, atualmente muitos clientes pequenos com MEI tem se aproveitado para comprar alguns itens em atacado.
  7. Pelo fato do preço ser menor, haveria uma tendência do consumidor final realizar suas compras no atacado, que por sinal, não é seu modelo negócio. Por isso, é vendido em grande quantidade em caixas fechadas. Existem mercados atacadistas que, para comprar nesta condição, é preciso ter o próprio cartão da loja, como o San’s Club. Hoje, grandes mercados atacadistas tem surgido para venda ao consumidor pessoa física tais como Atacadão, Assaí, Makro dentre outros.

Vendas em Varejo

  1. Varejo é o modelo de compra mais popular entre os consumidores. Em varejo as mercadorias são disponibilizadas para compra por unidade, com foco no consumo final. Como a quantidade é menor e vendido por unidades, o valor é ora um pouco mais elevado, ora com o valor muito elevado.
  2. Atualmente, alguns lojistas têm considerado uma quantidade de variados produtos comprados pelo mesmo consumidor no mesmo ato de compra como uma venda em atacado. Essa prática tem crescido a cada dia, especialmente no setor de vestuário.
  3. A precificação no varejo é formada considerando custos dos produtos, impostos e também os valores dos varejistas locais concorrentes.

Portanto, finalizando, o atacado como o varejo possuem características distintas, vantagens e benefícios diferentes para cada tipo de cliente, atendendo aos objetivos de cada tipo de público comprador. Tendo conhecimento das particularidades de cada modo de venda você irá saber qual a melhor opção para atender as suas necessidades pessoais e para seu negócio.

Entre atacado e varejo, qual escolher?

Caso você seja criativo e gosta de se envolver em quase todos os aspectos da cadeia de fornecedores, um modelo de negócios de varejo pode ser a opção ideal. Pense nisso e escolha aquele que melhor combine contigo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *