como-importar-para-revender

Importação: Começando a trabalhar nesta atividade.

Importar para revender. Como trabalhar com importação

Se você pensa em começar a importar para revender gostaria de te informar que agora, mais que nunca, as compras pela internet vêm aumentando bruscamente, e este artigo trata de como explorar este nicho tão buscado que é a importação.

O comércio online vem aumentando rapidamente no Brasil. Pesquisas mostram que as transações online alcançam mais de US$ 160 bilhões no mundo todo. Cerca de 57% das pessoas acessam a internet várias vezes por dia, buscando produtos e serviços online.

Ou seja, como não explorar o nicho de importação?

A importação é um dos temas mais buscados na internet, já que com o nível de desemprego aumentando, as pessoas buscam como ganhar dinheiro em casa, e importar para revender é uma boa alternativa. Mas não basta apenas querer trabalhar com importação muito menos saber apenas que podemos importar da China, por exemplo. É importante saber por que, como, onde e os benefícios da importação.

Vamos ao ponto número 1: Por que importar para revender?

O comércio eletrônico está cada vez mais competitivo e isso contribui com que a importação seja cada vez mais difícil e trazer um produto da China, por exemplo, é simples, mas se o negócio começa a dar certo, terá que declarar impostos e outros para que o negócio da importação seja cada vez mais lucrativo para você. Basicamente, respondendo a questão “por que importar para revender” a resposta que eu daria seria “porque é o trabalho do futuro (e do presente) já que as lojas virtuais (e-commerce) estão cada vez mais presentes no dia-a-dia do brasileiro”.

Acredito que você esteja ansioso para saber o item número 2 “Como importar para revender” ou “Como trabalhar com importação”.  Tranquilo, esse é o próximo passo:

Como importar para revender

Este é um dos pontos mais importante para começar a trabalhar com a importação. Você deverá estar consciente dos principais passos, tais como:

  • Qual país escolherá para ser seu fornecedor;
  • Qual será o prazo de entrega do fornecedor;
  • Verificar as qualificações do fornecedor: se entrega produtos de qualidade, se entrega no prazo, se tem bons comentários, etc.
  • Que tipo de produtos irá importar para revender;
  • Qual a necessidade destes produtos diante dos seus potenciais clientes;
  • Quem são seus potenciais clientes;
  • Como irá vender estes produtos, uma vez estando em suas mãos;
  • Qual valor terá de custo e qual valor aplicará ao cliente final;
  • Os impostos que terá na compra e na venda deste produto;
  • Analisar seus concorrentes;
  • Através de que meio irá vender;
  • Quais formas de pagamento que irá comprar na importação;
  • Quais formas de pagamento você irá oferecer a seus clientes (não se esqueça dos métodos de pagamento online como PayPal, PagSeguro, entre outros, já que eles estão na lista de favoritos de quem compra pela internet).

São vários os fatores que influenciam na hora de trabalhar com importação, e caso queira receber mais informações sobre importação clique aqui para visualizar outras informações sobre este assunto que tem ajudado a milhares de pessoa a ganhar dinheiro.

Complementando vamos aos “benefícios ao importar para revender”

São inúmeros os benefícios de começar a trabalhar com importação. Um dos mais “famosos” é o fato de poder trabalhar na comodidade da sua casa. Você pode começar com baixo investimento, focando em determinado tipos de público/produto e ir aumentando o leque de produtos aos poucos, isso garante um investimento mais baixo, o que não significa que poderá aumentar quando quiser, mas aconselhamos sempre a ir com cuidado, pois desta forma, você garante ainda mais o sucesso do seu negócio de importação.

No infográfico abaixo eu mostro em 5 passo todo o processo para você importar um produto direto dos EUA.

Importação-Passo-a-Passo

Interessante o passo a passo não é?

Observe que não é difícil e pessoas comum como eu e você podemos importar e lucrar muito com produtos de qualidade e muito aceitos no mercado brasileiro. Espero estar contribuindo para que você cada vez mais conhecimento neste ramo de atividade e que você aprenda a desempenhar tarefas simples de importação que podem render uma boa grana. Caso queira receber mais dicas sobre como importar clique na imagem abaixo para ver uma vídeo-aula que um amigo fez para explicar algumas coisas sobre importação. A vídeo-aula é bem bacana e informa bastante coisa. Clique na imagem abaixo para receber.

saber-mais-sobre-importação

Este foi um artigo resumido das técnicas de importar, ou melhor, de como importar para revender.

Lembre-se que os passos são simples como escolher produtos e fornecedores, enviar para um endereço nos EUA, preencher declaração de nota e consolidar, enviar para o Brasil e rastrear até que por fim receber o tão esperado produto. Sabemos que é trabalhoso, mas compensa mesmo com o dólar alto como explicado no post se vale a pena ou não importar nas atuais condições do dólar. Leia aqui.

Espero que este post tenha sido útil para você e que comece a lucrar com a importação o quanto antes e não deixe de assinar nossa lista de notícias. Sempre que tivermos novidades e informações sobre importação enviaremos um email.

Gostou deste post? Assine nossa lista de notícias para se manter atualizado e compartilhe.

Academia do Importador 468×60

1 thought on “Importação: Começando a trabalhar nesta atividade.

Deixe um comentário